Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



calendário

Fevereiro 2016

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
2829

Spotify





Introlerância à lactose e alimentação

Chantilly, Sexta-feira, 26.02.16

Leite.jpg

A intolerância à lactose é uma incapacidade de digerir a lactose, o açúcar do leite. A lactase, enzima que degrada a lactose nos seus componentes mais simples, se torna cada vez mais escassa a partir dos três anos porque é a idade que supostamente não precisamos mais do leite materno. Esta é uma doença comum a um terço da população e tende a aumentar este número com a idade.

Eu sofro de intolerância à lactose e estive uma vez a soro porque não aguentei mais a lactose no meu organismo, mas o médico pensou que só tinha ocorrido uma paragem mais grave da digestão. A partir daí o meu corpo não aceitava nenhum lacticínio então tive de fazer uma dieta muito rígida e não podia consumir nenhum alimento com lactose, nem mesmo vestígios. Atenção, que se fores ver os rótulos muitos produtos tem lactose, inclusive produtos que não é suposto. Alguns tipo de pão como de forma, fiambre embalado, sumos, cereais de pequeno-almoço, bolachas, massa da pizza, gelatina, entre outros.

 

Vou falar um pouco sobre a alimentação que tinha e as soluções que arranjei.

Alpro.jpg

Produtos à base de soja: A Alpro soya (é das marcas mais conhecidas em Portugal) tem leite, iogurtes, sobremesas, manteiga, substituto das natas, gelado, entre outros. Actualmente também já existem existe leite com base de amêndoa, avelãs, arroz ou leite de coco.
Pessoalmente não me consegui habituar primeiramente à soja mas com o tempo lá consegui e adoro leite de soja de chocolate e baunilha.

Mimosa.jpg

Nunca gostei muito de leite, a minha grande preocupação era os iogurtes que sabem a iogurte (os de soja tem sabor diferente). A gama mimosa sem lactose tem leite e iogurtes. Estes produtos da mimosa foram a minha salvação quando estava a fazer a dieta rígida porque tudo sabe aos alimentos normais.
Actualmente já existe muitas marcas incluído branca.

Ceriais.jpg

Os cereais de pequeno almoço habitualmente levam alguma forma de leite na sua composição então é complicado encontrar um sem. Lembro-me de passar horas a ler rótulos e a desesperar mas lá consegui encontrar e os Muesli foi a minha solução. Prefere aqueles que são de frutos secos ou simples (se tiver chocolate por exemplo tem lactose) e podes juntar fruta ou chocolate negro com alto teor de cacau (habitualmente tem menos lactose mas nada como conferir o rotulo). E o melhor é que podes comer com iogurte ou leite da marca que quiseres.

Comida.jpg

Aos almoços e jantares podes estar mais descontraída mas mesmo assim tens de ter em atenção aquilo que vais comer, afinal existem algumas comidas que levam leite, natas, molho branco, queijo ou manteiga. Portanto, tens duas opções:
Ou esqueces por completo comidas com lactose (como bacalhau com natas e strogonoff) ou aprendes a fazer em casa e usas os substitutos de soja.
 

Bolo.jpg

Em termos de doces e sobremesas é mais complicado porque geralmente as melhores sobremesas contém lactose (pela forma de leite, natas, leite condensado, iogurte, manteiga, entre outros) mas não é impossível. Eu faço os meus próprios doces e nunca deixei de comer nada porque trocava o leite, iogurte, manteiga pelos seus correspondentes sem lactose e nunca tive qualquer problema. Na rua evito a todo custo porque nunca se sabe o que estas prestes a comer que ingredientes tem e tinha medo de me sentir mal.
 
Actualmente, como de tudo sem qualquer problema mas tento ter uma alimentação mais regrada e sem exageros.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Chantilly



Contacto:

chocolatequentecomchantilly@hotmail.com

Follow on Bloglovin



Bem-vinda!

Chocolate quente com chantilly foi criado para puder partilhar as minhas opiniões, dúvidas, dilemas e as mil e uma ideias que correm na minha cabeça. Também expressarei os meus conhecimentos sobre os assuntos que mais me despertam interesse e também servirá de desculpa para os puder aprofundar.

Falarei um pouco sobre tudo. Textos de opinião, moda, beleza, saúde, relacionamentos, séries, música, filmes, entre outros. Antes de mais quero deixar a promessa de esperança de num futuro próximo puder tratar de muitos mais temas.

Espero ainda que compreendas que não sou nenhuma profissional ou expert nos assuntos que tratarei, simplesmente, adoro pesquisar sobre os mesmos pois gosto muito de aprender sobre aquilo que me rodeia. Portanto, se houver algo que esteja incorrecto ou não concordes, comenta porque terei todo o gosto em ler e responder ou até corrigir se necessário.

Para finalizar, espero que te identifiques comigo.


Carpe diem!